sexta-feira, 8 de agosto de 2008

Beetle Karmann Cabriolet: O fusca Conversível.

Em 1948, Volkswagen contratou as empresas Karmann e a Hebmüller, especializadas em veículos conversíveis, para a produção de veículos conversíveis baseados no Fusca. A Hebmüller ficou responsável por fazer uma versão para 2 lugares e a Karmann uma versão para quatro lugares. A Volkswagen após aprovado os protótipos, ordenou a produção de 2000 Hebmüllers e 1000 Karmann cabriolets. A partir desses números, o esperava-se que o Hebmüller fosse o mais vendido, mas, um incêndio destruiu a fábrica da Hebmüller um mês após o inicio da produção em 1949. Apenas cerca de 700 unidades foram parcialmente concluídas, pois, a fábrica estava lutando para se reestruturar após a tragédia. Mas em 1952 a Hebmüller decretou falência, abrindo caminho para a Karmann.

Foto do incêndio que destruiu a Fábrica da Hebmüller em 1949.

A produção dos Beetle Karmann começou em setembro de 1949 como produto de exportação. A primeira encomenda foi entregue em abril de 1950, entao, a VW ordenou prosseguir com a produção. Mais de 10.000 unidades foram produzidas até agosto de 1950 e fez com que a expansão da produção se tornasse realmente rentável para a VW.


Produção do Beetle Karmann Cabriolet no fim da década de 50.

Produção do Beetle vw1303 Karmann Cabriolet na década de 70.


Estes veículos, em grande parte, eram feitos artesanalmente, por isso, não há um Beetle Karmann igual ao outro. Assim como o Beetle(Fusca nos EUA), O Karmann cabriolet também evoluiu com o passar dos anos. Com um valor de mercado superior ao sedan, foi sempre um modelo de luxo e com motor mais potente. Cerca de 330000 foram produzidos até o encerramento da produção no dia 10 em janeiro de 1980 na Alemanha. A produção fez com que o valor do Cabriolet Karmann aumentasse expressivamente, refletindo no sucesso de seu primo campeão mundial de vendas, o fusca. Hoje, o Beetle Cabriolet é um sonho de consumo de colecionadores, principalemente os modelos fabricados na década de 50, chegando a valer mais de cem mil reais.


Beetle 1303 Karmann Cabriolet de 1979, um dos últimos modelos.


Beetle Karmann Cabriolet modelo 1952.

Karmann Cabriolet modelo de 1951, detalhe para o painel requintado.

Beetle Karmann Cabriolet de 1962

Interior do Beetle 1303 Karmann Cabriolet.

Em breve postarei mais fotos destes modelos.
Fonte: http://members.netro.com.au/~vwcc/karmann.htm

3 comentários:

Fatima disse...

Muito lindos os Cabriolets!
Há alguma forma de adaptar um fusca normal a este modelo?

Anônimo disse...

Sim.Do mesmo jeito que se faz em outros veiculos hoje em dia(cortando o teto e fazendo outras adaptações menores).

carla disse...

aonde posso comprar um parachoque igual a esse do cabriolet preto e muito lindo e mais grosso...